DETALHE DE NOTÍCIA

Rede possibilita que empresas façam gestão de resíduos




Um projeto desenvolvido na incubadora do CIETEC - Centro de Inovação, Empreendedorismo e Tecnologia, com apoio do PIPE - Programa FAPESP Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas, deu origem a um sistema que permite a empresas, shopping centres ou mesmo municípios pequenos com até 100 mil habitantes, por exemplo, atender às exigências da nova legislação e ainda obter receita ou diminuir despesas com a gestão racional de materiais recicláveis.

Denominada "Rede Resíduo", a plataforma do Sistema Ciclo liga em rede, pela internet, grandes geradores de resíduos com recicladores, transportadores e empresas de tratamento e disposição final.

Para isso, os geradores cadastram no sistema os lotes de resíduos que querem vender, trocar, doar ou destinar, e as empresas que procuram materiais para os seus processos ou os recicladores de cada tipo de resíduo manifestam o interesse pelas oportunidades de negócios, num processo de bolsa de mercadorias e serviços.

"A rede tem o objetivo de facilitar negócios e criar um ecossistema que reúna todos os atores da cadeia de produção e de utilização de materiais recicláveis", disse Francisco Luiz Biazini Filho, um dos idealizadores do projeto, à Agência FAPESP.

Fonte: Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (ABES)
voltar atrás